quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

O paradoxo de nosso tempo

                                                                                             Foto: Daniel Casares


Temos edifícios mais altos, mas pavios mais curtos;

Auto-estradas mais largas, mas pontos de vista mais estreitos;

Nós compramos mais, mas desfrutamos menos.


Temos casas maiores e famílias menores;

Mais conveniências, mas menos tempo;

Mais medicina, mas menos saúde.



Bebemos demais, fumamos demais, gastamos de forma perdulária,

rimos de menos, dirigimos rápido demais,

nos irritamos muito facilmente,

ficamos acordados até tarde,

acordamos cansados demais, raramente paramos para ler um livro,

ficamos muito tempo diante da TV e pouco oramos.



Multiplicamos nossas posses, mas reduzimos nossos valores.

Falamos demais, amamos raramente

e odiamos com muita freqüência.

Aprendemos como ganhar a vida, mas não vivemos essa vida.



Já fomos à Lua e dela voltamos,

mas temos dificuldade em atravessar a rua

e nos encontrarmos com nosso novo vizinho.

Conquistamos o espaço exterior, mas não nosso espaço interior.



Planejamos mais, mas realizamos menos.

Aprendemos a correr contra o tempo,

mas não a esperar com paciência.



Temos maiores rendimentos, mas menor padrão moral.

Estes são tempos de refeições rápidas e digestão lenta;



De homens altos e caráter baixo;

lucros expressivos, mas relacionamentos rasos.

Estes são tempos em que se almeja paz mundial,

mas perdura a guerra nos lares;

É um tempo em que há muito na vitrine e nada no estoque;


 
São dias de viagens rápidas, moralidade também descartável

e pílulas que fazem tudo: alegrar, aquietar, matar...



O que menos lembramos é que Jesus bate a nossa porta

e esquecemos de abrir pois invertemos nossos valores:

O valor do amor pelo valor do consumismo.

Abra a porta do seu coração e Jesus entrará em sua vida.
 
Desconheço o autor


8 comentários:

  1. Esse é o paradoxo dos tempos modernos. Em resumo, trocamos ter por viver.
    beijokas doces e obrigada por me achar, pois eu tinha te perdido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoro teu blog, impossível passar sem ele. Beijoss.

      Excluir
  2. Oi Wil!!
    Obrigada por ne seguir.
    Vim conhecer teu espaço. Gostei muito. Mensagens que nos fazem refletir. Muito inteligente.
    Vou me aportar por aqui, não por retribuição, mas porque eu gostei mesmo!!!
    Boa sexta feira a vc!!

    bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico imensamente feliz! És bem vinda! Abraços e beijos mil da Wil.

      Excluir
  3. Great blog.
    I read with the translation.
    Thank you.
    Greetings from Japan.

    ResponderExcluir
  4. Final de semana maravilhoso para você!

    ResponderExcluir
  5. Olá vim agradecer a sua visita,e
    desejar um bom dia !

    Conheci seu Blog e gostei já
    sou sua seguidora.
    Abraços com carinho RITA!!

    ResponderExcluir
  6. Boa noite.

    É uma linda reflexão.

    Um grande abraço.
    Maria Auxiliadora (Amapola)

    ResponderExcluir